Campina Grande abre primeira edição do Salão de Artesanato municipal

Dê sua nota, qual sua avaliação?

salao_de_artesanato_campina_grande

Salão de Artesanato de Campina Grande (Foto: Walysson Melo/G1)

A  primeira edição do Salão de Artesanato de Campina Grande foi aberta na noite desta quarta-feira (15) pelo prefeito Romero Rodrigues. Um trio de forró pé de serra dava as boas vindas aos visitantes do local, que está funcionando na Estação Velha, próximo ao Açude Velho, principal cartão postal da cidade.

O salão expõe e comercializar o artesanato feito por 180 artesãos paraibanos e ser mais uma opção de lazer e entretenimento cultural dentro das festividades juninas na cidade, atraindo moradores e turistas. É possível encontrar nos estandes do local peças feitas de cerâmica, couro, madeira, crochê, algodão colorido entre outros materiais.

De acordo com a coordenadora do salão Ladjane Barbosa, a criação do evento foi uma solicitação dos próprios artesãos, que sentiram a necessidade de terem um local específico para a comercialização de seus produtos, já que para a grande maioria o artesanato é o único meio de adquirirem suas rendas mensais. Além disso é uma oportunidade dos turistas e do público em geral levarem pra casa peças que traduzem a cultura do nosso estado.

Para as artesãs Maria Helena, 58 anos, e Maria Adelaide, de 63, a criação desse evento tornou-se uma maneira de aumentar os lucros financeiros que naturalmente são melhores nesta época do ano, onde o artesanato acaba sendo mais valorizado principalmente pelos turistas. As duas vivem do trabalho  feito com cerâmica e produzem peças que variam de preço de acordo com o tamanho. Apesar do momento ser de crise financeira no país elas acreditam que vão conseguir vender bem durante o período do salão.

A turista pernambucana Andrea Rodrigues, de 29 anos, contou que ficou encantada com a qualidade do artesanato paraibano exposto no local, principalmente com as peças feitas com o algodão colorido no qual ela não conhecia pessoalmente.

O Salão de Artesanato de Campina Grande funciona até o dia 30, das 15h às 22h, exceto nos dias 23, 24, 29 e 30, quando o horário especial é das 11h às 22h. A entrada é gratuita e o local conta com um espaço gastronômico onde são comercializadas comidas típicas, chás, doces, salgados e biscoitos.

Do G1/PB

Campartilhe.